Associação Gaita-de-Foles A.P.E.D.G.F. APEDGF
Associação Portuguesa para o Estudo e Divulgação da Gaita-de-foles - Portuguese Bagpipe Society .'.
gaita - bagpipe - cornemuse - zampogna - dudelsack - bock - gaida - phìob - biniou - mezoued -zucra - duda - pipe - sackpipa
  Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola | Comprar | Orquestra de Foles Documentos  | Contactos

« Principal « Gaita-de-fole « História
Um Mundo de Gaitas
Gaitas de Fole de todo 
o Mundo...
História
Origens, expansão, diversidade...
Gaita-de-fole em Portugal
Distribuição, tipos, contextos...
Morfologia
O que é uma
Gaita-de-fole?...

 

  

Índice
 

O que quer dizer "gaita-de-fole"?
 
Onde existem Gaitas-de-fole?
 
Qual é a sua origem?
 
O mito da "música celta".
 
Tubo cónico e tubo cilíndrico.
 
Gaitas "primitivas"?
 
Instrumentos musicais como objectos culturais.
 
A Gaita-de-fole: um instrumento, entre tantos outros.

 

  
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)
Espaco.gif (821 bytes)

    

História
Breve descrição histórica


O que quer dizer "gaita-de-fole"?

Jovem tocador de Gaita Transmontana (Portugal)

Em Portugal, “Gaita-de-fole“ é o termo popular que designa um instrumento musical, aerofone não soprado directamente pela boca, munido de um fole (reservatório flexível de ar).
Em certas zonas de Portugal também é comummente conhecido por "Gaita". A este respeito é oportuno mencionar que no nosso país convivem duas expressões; "Gaita-de-foles" e "Gaita-de-fole". Esta última é utilizada pelos gaiteiros mais velhos, em quase todo o país. "Gaita-de-foles" é talvez uma expressão urbana recente, mais popularizada nos meios de comunicação. De referir ainda que “Gaita” é também um nome comum para designar indistintamente instrumentos de sopro, sem relação com a gaita-de-fole. 
"Gaita-de-fole" ou "Gaita-de-foles" é, pois, o nome dado ao instrumento que ainda hoje é tocado  um pouco por todo o país. 

Por todo o mundo existem designações semelhantes noutras línguas, como por exemplo, no inglês, o equivalente é "Bagpipe", em francês é designado por "Cornemuse" e em castelhano pode ser designado de "Gaita", "Gaita de fuelle" ou "Cornamusa". Na Suécia, "Säckpipa", na Alemanha "Düdelsack" ou "Sackpfeife", na Bulgária "Gaida", na Argélia, "Zukra" ou "Mezwed", etc.
O instrumento está de tal modo distribuído por um número tão grande de culturas, que a quantidade de nomes e modelos é quase incalculável.

Pouco ou nada se sabe sobre como terá surgido o nome “Gaita” (nome comum a quase todo o espaço ibérico para designar o instrumento). Segundo Joan Corominas, "Gaita" derivaria da palavra germânica "Gaits" (cabra), animal com cuja pele se fazia e faz ainda hoje o fole, parte comum a todas as Gaitas-de-fole do mundo - mas essa é um hipótese incerta e não provada.
Também não se pode pôr de parte a origem árabe ou norte-africana, pois nomes semelhantes surgem noutras áreas geográficas dessa influência, no Médio Oriente e Norte de África: Al-Ghaita (Marrocos); Ghaida (Turquia), mas também na europa oriental: Gajda (Eslovénia); Gajdy (República Checa), etc. Isso talvez se possa dever à influência indirecta do Império Otomano, que entre 1326 D.C. a 1683 D.C. se estendia a quase todo o Médio Oriente, Magreb e Europa Oriental, para a transmissão de instrumentos e práticas musicais em todas essas áreas - e obviamente, dos nomes dos instrumentos.

Mas todas as hipóteses até aqui referidas não estão inteiramente comprovadas e são altamente especulativas.


A seguir:
Onde existem Gaitas-de-fole?


Associação Gaita de Foles, 2005 - Direitos Reservados

 


Início | Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola de Gaitas |
Comprar | Orquestra de Foles | Documentos | Equipa | English  | Links | Contactos
Powered by RRMerlin

Associação Gaita de Foles - direitos reservados