Associação Gaita-de-Foles A.P.E.D.G.F. APEDGF
Associação Portuguesa para o Estudo e Divulgação da Gaita-de-foles - Portuguese Bagpipe Society .'.
gaita - bagpipe - cornemuse - zampogna - dudelsack - bock - gaida - phìob - biniou - mezoued -zucra - duda - pipe - sackpipa
  Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola | Comprar | Orquestra de Foles Documentos  | Contactos

« Principal « Notícias
.

 

Imprensa
Consulte notícias sobre a gaita-de-foles, em várias publicações periódicas
Espaco.jpg (632 bytes)

Arquivo
Arquivo de Notícias, desde 2001 »

Espaco.jpg (632 bytes)
Espaco.jpg (632 bytes)
Espaco.jpg (632 bytes)

Notícias
Arquivo de 2007


Curso de Gaita-de-fole do leste transmontano, em Lisboa

A Associação Gaita-de-Foles organiza, a partir de Janeiro de 2008, um curso de iniciação à Gaita-de-fole do Leste Transmontano, com a duração de 6 meses, destinado a alunos com prática anterior em Gaita-de-fole. Nele serão ensinadas técnicas de execução, ornamentação e repertório próprio dos gaiteiros tradicionais de uma área geográfica específica, procurando-se ilustrar a diversidade de géneros musicais que caracterizam as práticas instrumentais aí presentes. A História recente das gaitas-de-fole em Trás-os-Montes é uma temática presente no Curso, com a referência aos estudos/trabalhos realizados no âmbito da Etnomusicologia e com espaço ainda para audição de registos sonoros de diferentes períodos do século XX. O curso resulta de uma parceria com a Casa da Comarca da Sertã, em Lisboa, numa iniciativa que pretende contribuir para a formação de uma
nova geração de tocadores capazes de perpetuar/recriar uma prática
musical que urge revitalizar. As pré-incrições estão abertas até 21 de Dezembro de 2007 e o número de vagas é limitado. Mais informações »


Curso de Flauta de Tamborileiro
Também a partir de Janeiro de 2008, terá lugar a abertura de um curso de iniciação à Flauta de Tamborileiro (flauta de três buracos e tamboril) com a duração de 6 meses, numa iniciativa que pretende
contribuir para a formação de uma nova geração de tocadores de um conjunto instrumental com longa tradição em Portugal.
Nele serão ensinadas técnicas de execução e de coordenação entre a flauta pastoril e o tamboril, além de repertório variado, com destaque para as práticas musicais de Trás-os-Montes, onde este tipo de flauta é, conjuntamente com a gaita-de-fole, um instrumento musical preponderante.
No curso haverá ainda espaço para uma abordagem sucinta da sua
História em Portugal, lançando-se igualmente um olhar sobre outras
áreas geográficas da Península Ibérica onde o instrumento é tocado
actualmente, o que permite uma melhor contextualização das práticas
musicais portuguesas. O curso resulta de uma parceria com a Casa da Comarca da Sertã, em Lisboa, decorrendo nas suas instalações.
As pré-incrições estão abertas até 21 de Dezembro de 2007 e o número
de vagas é limitado. Mais informações »


Oficina de Gaita-de-fole, em Sintra

Em colaboração com a Associação Gaita-de-Foles, a Associação Cultural Alagamares organiza uma oficina de iniciação à gaita-de-fole, em Sintra, nos dias 1 e 2 de Dezembro.
Afinal o que é uma Gaita-de-foles? Como funciona? Como, onde e quando é que surgiram as primeiras Gaita-de-foles? Como se toca? Esta é uma oportunidade para experimentar pela primeira vez este instrumento e descobrir algumas das suas técnicas base e um pouco da sua história.
A oficina terá lugar no Bar "2 ao Quadrado" (Sintra) – Junto à Estação da CP, nos dias 1 e 2 de Dezembro. Horário: 15h00 às 18h00. Total: 6 horas. Número máximo de formandos: 10 pessoas. Inscrição: Sócios 25€; não-sócios 30€. Inscrições até ao dia 26 de Novembro, através do telefone 918 343 698 ou e-mail: [email protected]


Furto de Gaita-de-fole

A Associação Gaita-de-foles agradece qualquer informação no sentido de recuperar uma Gaita-de-fole, pertencente à Escola de Gaitas, que foi furtada na semana passada, na zona de Sintra. Trata-se de uma Gaita-de-fole com dois bordões (Ronco e Ronqueta), construída em Pau-Violeta, com ponteiro de Polypenco e fole de Gore-tex, coberto com um revestimento de tecido. Todas as peças constituintes deste instrumento estão identificadas com o número de série "023", gravado em baixo-relevo, perto dos anéis de reforço. O instrumento estava contido num estojo de tecido preto, que exibe o logotipo da Associação a branco. A gaita em questão é completamente idêntica à da fotografia (clicar para ampliar). Qualquer informação relevante pode ser enviada para [email protected] ou comunicada através do número 931 196 995.

Do Fundo do Bahú!
Oficina de Gaita-de-fole para crianças

Do fundo do baú surgem antiguidades, coisas fora de moda, tesouros de um passado longínquo guardados por mãos anónimas e, entretanto, esquecidos...
"Do Fundo do Bahú!" renascem sons que ecoam das Gaitas-de-fole de ontem e de hoje, de sempre. Partir à descoberta destes instrumentos musicais antigos, mas actuais, é a proposta desta oficina musical: um momento pleno de interactividade onde as crianças são envolvidas por sonoridades enigmáticas e surpreendentes, que também falam português.
Em torno das Gaitas-de-fole iremos cheirar, sentir, ouvir... e criar Música. Sons da tradição que nos chegam de longe e de perto pela voz das Gaitas-de-fole dos "baús" dos nossos antepassados!
"Do Fundo do Bahu" destina-se a crianças entre os 6 e 14 anos de idade e leva a música das Gaitas-de-fole a todas as instituições interessadas (Escolas, Colégios, Museus, Fundações, Centros Culturais, etc.).

Contactos e mais informações »


Culturas Musicais da União Europeia: uma Viagem Instrumental

De 21 de Setembro a 29 de Dezembro de 2007, O Museu da Música prepara-se para ser o palco de uma viagem-exposição ao mundo dos
instrumentos e culturas musicais da União Europeia (UE). Com data de partida marcada para o próximo dia 21 de Setembro, o itinerário prevê pequenas paragens em cada um dos 27 países membros, num circuito que trará os viajantes de volta a casa para o encerramento da Presidência Portuguesa. Porque viagens há muitas, o bilhete quer desta vez levar o viajante ao encontro de uma pequena porção da diversidade musical e instrumental que se encontra pelos quatro cantos da UE, devidamente reproduzida à escala do Museu. Os embaixadores escolhidos são os instrumentos; afinal sem eles dificilmente se faz música.
Da guitarra portuguesa ao cavaquinho (Portugal), com acompanhamento de, entre outros, castanholas (Espanha), kaval (Bulgária), laouto (Chipre), trstenke (Eslovénia), saxofone (Bélgica), kantele (Finlândia), bouzouki (Grécia), harpa (Irlanda), kokle (Letónia), zaqq (Malta), cobza (Roménia) ou nyckelharpa (Suécia), são vários os instrumentos a descobrir e, como tal,
muita música “nova” para encher os ouvidos. Mais informações »


Andanças 2007

É já entre os dias 30 de Julho e 5 de Agosto que decorre a 12ª edição do festival Andaças, em Carvalhais – S. Pedro do Sul.
Este é um festival que prima pela diversidade musical e cultural, pela sustentabilidade e pela interactividade entre artistas e público. Uma novidade para a edição deste ano consiste numa maior atenção dada à música portuguesa; “não de uma forma purista, mas de reintrodução destes instrumentos e formas de cantar no nosso quotidiano, abertos às metamorfoses do dia-a-dia.”
A organização do Andanças está a cargo da Associação PédeXumbo e conta com o apoio da Câmara Municipal de São Pedro do Sul, entre outras instituições. Mais informações sobre o programa e inscrições em www.pedexumbo.com

Trobada de Buners d’Ordino
A 9ª edição da Trobada de Buners (Festival Internacional de Gaiteiros) vai decorrer durante os dias 11 e 12 de Agosto em Ordino – Andorra. Este é um festival que reune gaiteiros de vários países durante dois dias.
Depois de ter sido representada pela Gaitafolia nas edições de 2000 e 2001, Associação Gaita-de-Foles vai ser, este ano, representada pelo novo projecto musical ligado à Associação – Cornes (grupo da Escola de Gaitas), assim como pela presença da exposição “Um Mundo de Gaitas”.
A programação para dia 11 começa logo de manhã, com um concerto de Dani Bellón e Diego Maceiras (Galiza) na praça central de Ordino às 10:00h, seguido de uma arruada com os grupos participantes. Durante a tarde, vão ter lugar vários concertos em vários lugares de Ordino: El Espíritu du Lúgubre; Castela-Leão (12:00h, Plaça Maior de Ordino), Fujara; Eslováquia (16:00h, jardins da Casa Areny-Plandolit), O’Carolan; Aragão (17:30h, Palceta Pajó) e Gerard Aulís Raurich; Catalunha (19:00h, Plaça Prat del Call). Durante a noite, os grupos Cornes (Portugal), Minuit Guibolles (França), Barbarian Pipe Band (Itália) e Taverna Folk vão actuar, a partir das 22:00h, no Centro de Congressos de Ordino.
Para o dia 12, a programação prevista conta com a Missa Solene na Igreja Paroquial de Ordino às 11:00h, na qual vão estar presentes o organista Xoan Carlos Castro e o gaiteiro Xosé Sancho. A 9ª Trobada de Buners d’Ordino encerra como um concerto de Emerald (Irlanda) na praça de Ordino.

L' Burro i l' Gueiteiro
Entre os dias 29 de Julho e 1 de Agosto, Miranda do Douro acolhe a V edição do evento L Burro i L Gaiteiro.
Trata-se de um passeio que vai levar os burriqueiros pelo planalto mirandês fora ao som das gaitas-de-foles. As paragens nas várias terras mirandesas vão ser pontuadas por oficinas de maneio de burros, danças mistas e de pauliteiros e instrumentos como gaita-de-foles, fraita e percussões, assim como palestras e jogos tradicionais. Para além de todas estas actividades diurnas, as noites serão preenchidas por concertos com grupos como Galandum Galundaina, Roncos do Diabo, Comvinha Tradicional, A Musa ao Espelho, entre vários outros. Este projecto é organizado pela Associação Cultural Galandum Galundaina e pela Associação para o Estudo e a Protecção do Gado Asinino. Para informações detalhadas sobre o programa e inscrições, consultar: www.aepga.pt

Cornes em digressão
A banda Cornes tem várias actuações previstas para o próximo mês de Agosto: dia 3, às 22:30h, em Tavira (Festas da cidade), dias 11 e 12 em Ordino, Andorra (9ª Trobada de Buners – Festival Internacional de Gaiteiros) e dia 18 em Tomar.
Cornes é o novo projecto musical ligado à Associação Gaita-de-Foles, herdeiro do legado da Gaitafolia – antiga banda da Associação. Esta banda é constituída por professores e alunos da Escola de Gaitas da Associação, que pretendem fazer reviver os ecos da música tradicional conjugando-os com formas musicais contemporâneas e urbanas através de uma postura enérgica, divertida e descomplexada - sempre com a gaita-de-fole como instrumento principal - http://myspace.com/cornespt

Festival na Aldeia do Trebilhadouro
Durante os dias 27, 28 e 29 de Julho vai decorrer, em Aveiro, a VI edição do Trebilhadouro – Festival Internacional de Artes e Culturas.
Este festival decorre na Aldeia do Trebilhadouro - Vale de Cambra -, que, depois de practicamente abandonada há quinze anos, começou a ser requalificada pela autarquia devido à organização deste festival.
A programação prevista para esta edição aposta na variedade. Durante o dia, vão ter lugar oficinas de danças tradicionais, de expressão dramática, de modelagem em papel reciclado, de escultura em pedra, de bonecos de cartão, e de yoga. Durante a noite é a vez dos contos, dos espectáculos de teatro, de música e de dança. Ao longo de todo o festival vão decorrer, ao ar livre, exposições de olaria, pintura, escultura e fotografi. Todas as manifestações artísticas presentes neste estão ligadas à cultura tradicional. O festival é organizado pela Câmara Municipal do Vale de Cambra e pela RASGO – Cooperativa de Teatro CRL. Para saber mais: http://trebilhadouro.com.sapo.pt/

Festival Intercéltico de Sendim
A 8ª edição do Festival Intercéltico de Sendim realiza-se em Sendim – Miranda do Douro – entre os dias 3 e 5 de Agosto.
Este ano, dá-se destaque à música irlandesa através das bandas irlandesas Four Men and Dog e Solas. Esta edição conta também com as bandas Kepa Junquera (País Basco), Tradere (Castela-Leão), Jambrina e Madrid, Gaitas de Ortigueira (Ortigueira), Dazkarieh (Portugal), Trasga (Portugal) e Abílio Topa (Portugal). Para além dos concertos, são propostas outras animações e várias actividades. Este festival é organizado pelo Centro de Música Tradicional Sons da Terra e pela Associação Mirai Qu’Alforjas.


Músicas do Mundo em Sines
A 9ª edição do Festival de Músicas do Mundo de Sines vai decorrer entre os próximos dias 20 e 28 de Julho em Sines e em Porto Covo.
Aquele que é apelidado de “O Festival da Descoberta” vai trazer a estas duas localidades alguns dos nomes mais sonantes das "músicas do mundo", de entre os quais se destacam Gogol Bordello (EUA/Ucrânia), Mahmoud Ahmed (Etiópia) e K’naan (Somália) – vencedores de prémios BBC Radio 3 World Music Awards no ano de 2006 -, para além de outros grupos como Bellowhead (Reino Unido), Rachid Taha (Argélia) e Darko Rundek (Croácia). Os trinta e três concertos agendados vão ser distribuídos por quatro palcos diferentes – três deles no centro de Sines e um em Porto Covo. A organização deste festival está a cargo da Câmara Municipal de Sines. Para informações mais pormenorizadas, consultar: www.fmm.com.pt

Festival Internacional de Pauliteiros
Miranda do Douro acolhe, no próximo dia 7 de Julho, o 1º Festival Internacional de Pauliteiros. Os objectivos principais deste festival são divulgar as danças de pauliteiros, dar a conhecer as diferentes variantes de danças de paus na Europa, promover o intercâmbio de grupos similares e motivar os jovens para a cultura das danças de paus. Os grupos participantes incluem o grupo Kezka Dantza Taldea, constituído por três grupos: Eibar (País Basco, Espanha), Tábara (Sanábria, Espanha) e Muelas del Pan (Zamora, Espanha). Quanto aos grupos portugueses, o festival vai contar com a participação dos grupos de Pauliteiros de Fonte de Aldeia, Malhadas, Duas Igrejas, Palaçoulo, Miranda do Douro, as Pauliteiras de Miranda e o Grupo de Pauliteiricos de Miranda do Douro. A organização deste festival está a cargo da Associação Mirandanças e conta com o apoio do Município e da Junta de Freguesia de Miranda do Douro, a Corane, a Região de Turismo do Nordeste Transmontano, entre outras.

Barbarian Pipe Band em digressão
A banda de gaitas italiana Barbarian Pipe Band encontra-se neste momento em digressão, tendo concertos marcados para várias localidades da Europa que incluem Portugal. Esta é uma banda que, desde há cinco anos atrás, explora o universo sonoro da música popular tradicional escocesa, alemã, occitana (França) e piemontesa (Itália), a partir da qual criam as suas próprias músicas. Esta exploração é feita através de vários instrumentos, de entre os quais se destacam as Gaitas-de-fole inspiradas a partir de iconografias medievais, Gaita Escocesa (Great Highland Bagpipe) e Zampogna italiana. Ao longo deste tempo, a banda tem actuado em eventos como festas e feiras medievais, casamentos, funerais, banquetes e várias outras manifestações. As próximas actuações desta banda vão ter lugar em Óbidos entre os dias 12 e 17 de Julho, na Ribeira Grande entre os dias 3 e 5 de Agosto e também na Madeira entre os dias 14 e 16 de Setembro. Para mais informações: http://myspace.com/barbarianpipeband

Concertos endiabrados
Os Roncos do Diabo continuam a infernizar os vários festivais e eventos por onde passam, no seu estilo folgazão e irreverente. Estão previstas várias actuações para várias localidades em Portugal e no estrangeiro: no Festival Internacional de Gigantes (Pinhal Novo, dia 7 de Julho, 22:00h), no Festival de St. Chartier (França, dias 12, 13, 14 e 15 de Julho), L’ Burro i L’ Gueiteiro (Miranda, dias 29, 30, 31 de Julho e 1 de Agosto), no Festival Andanças (Carvalhais, S. Pedro do Sul, dias 3, 4 e 5 de Agosto) e na Festa do Avante (Atalaia, Seixal, dias 7, 8 e 9 de Setembro). Mais informações em: www.roncosdodiabo.com

Música geográfica
O novo trabalho discográfico de Júlio Pereira encontra-se já à venda nas lojas desde o passado dia 18 de Junho.
Neste seu novo álbum, Júlio Pereira explora “sonoridades de mundos com muitas latitudes e padrões acústicos” através de vários instrumentos de entre os quais se destaca o bandolim, o seu primeiro instrumento musical. A destacar são também as colaborações de músicos como Miguel Veras (viola), Bernardo Couto (guitarra portuguesa), Sara Tavares (voz) e Marisa Pinto (voz), assim como a colaboração da artista plástica Salomé Nascimento – responsável pela capa deste disco.
Em Portugal, “Geografias” foi editado pela Valentim de Carvalho + Som Livre. Brevemente, será editado em Espanha pela Resistência.
Para mais informações sobre Júlio Pereira e sobre o seu novo trabalho, consultar: www.juliopereira.pt

Canções do Ceguinho – o regresso
A segunda edição do espectáculo “Canções do Ceguinho” teve lugar no dia 21 de Junho na cidade da Guarda. Este espectáculo consistiu na apresentação de algumas histórias que fazem parte do género literário comummente designado de “literatura de cordel”. A apresentação destas histórias foi feita através do formato canção, mais especificamente através outros instrumentos novos arranjos musicais. Trata-se de um espectáculo do músico César Prata (adufe, concertina, kazoo, samples, sanfona, viola, viola toeira, viola beiroa e voz). Para saber mais: http://cancoesdoceguinho.blogspot.com


Prémio para a Sons da Terra
O Centro de Música Tradicional Sons da Terra (Miranda do Douro), recebeu o XIII Prémio Europeu de Folclore “Agapito Marazuela”, em Espanha.
Segundo a agência Lusa, o júri teve em conta, na atribuição deste prémio, o facto de a Sons da Terra, na pessoa de Mário Correia, ter em grande
atenção os pontos comuns às culturas de ambos os países penisulares e de ter uma forte componente de divulgação das expressões musicais
espanholas em Portugal e portuguesas em Espanha. A Sons da Terra é um organismo dedicado ao estudo e à divulgação da música e aos cânticos de
tradição oral, com uma incidência particular na área do nordeste transmontano. O prémio foi convocado pela Associação Cultural Ronda Segoviana e teve o patrocínio da Fundação Don Juan de Borbón, tendo como objectivo dar relevo a todos os que trabalham a favor da investigação, da defesa e da divulgação da cultura tradicional e popular espanhola em qualquer das suas manifestações.

Oficina de Gaita-de-fole no Museu da Música Portuguesa
A propósito das comemorações do Dia Internacional dos Museus, a Associação Gaita-de-foles organiza uma Oficina de Iniciação à Gaita-de-fole no Museu da Música Portuguesa (Monte Estoril) nos dias 19 e 20 de Maio. Aí serão abordadas as principais características do instrumento: como
funciona, como se toca, que diferenças existem entre gaitas-de-fole de vários países e universos musicais. Todas estas experiências vão ser levadas a cabo através da audição de exemplos musicais, experimentação directa de vários instrumentos e transmissão de algumas noções elementares da sua distribuição e História. Tudo isto contando com a presença de gaitas de várias origens, que vão estar à disposição dos formandos. A oficina terá lugar entre as 14:00 e as 17:00 horas dos dias 19 e 20, sendo o valor de 25 euros pelos dois dias. As inscrições estão limitadas a 10 vagas, destinadas a maiores de 15 anos e podem ser feitas através do nº 21 481 59 04 até ao dia 18 de Maio.
Esta oficina está integrada na iniciativa chamada “Experimentar a música”, que engloba várias actividades: no dia 18, entre as 10:00h e as 14:00h, vai ter lugar um ateliê de construção de instrumentos tradicionais portugueses, no mesmo dia, às 18:30h, realiza-se um concerto comentado intitulado "Descobrir os segredos da composição musical", pelo Maestro Nikolay Lalov e Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras, cujo objectivo é dar a conhecer o processo de construção de uma obra musical e o pensamento do compositor. No dia 20, às 18:00h, tem lugar o concerto “Luís Baptis e as Violas do continente”.

Cornes no Museu de Arqueologia
A banda Cornes vai actuar no dia 19 deste mês, no Museu Nacional de Arqueologia, juntamente com os Tocárufar. Cornes é o novo projecto musical ligado à Associação Gaita-de-Foles, herdeiro do legado da Gaitafolia – antiga banda da Associação. Esta banda é constituída por professores e alunos da Escola de Gaitas da Associação, que pretendem fazer reviver os ecos da música tradicional, conjugando-os com formas musicais contemporâneas e urbanas através de uma postura enérgica, divertida e descomplexada - sempre com a gaita-de-fole como instrumento principal.
Esta actuação integra-se nas comemorações do Dia Internacional dos Museus - para além de vários outros museus que propõem actividades, o Museu Nacional de Arqueologia apresenta uma programação que inclui várias actividades como feiras, debates, ateliês educativos, visitas guiadas, projecção de filmes, teatro, dança e concertos, com os grupos Guitarra com Gente Dentro, MU, Cool Hipnoise, Mandrágora, Dazkarieh (a confirmar) e Corvos.

A Galiza em Lisboa
"Portugalizando" é o nome do evento que vai trazer a cultura galega a Lisboa, de 11 a 19 de Maio. Durante esta semana dedicada à cultura galega contemporânea e às relações culturais entre Portugal e a Galiza, são propostas várias actividades que incluem exposições, visitas guiadas, debates, desfiles, projecção de filmes, concertos, teatro, festas, etc. A destacar: as Jornadas Galiza – Portugal: Cumplicidades e Contrabandos (dias 15 e 16 às 16:00h na Biblioteca Museu República e Resistência), a exposição de banda desenhada de autores galegos (patente na Bedeteca de Lisboa), a exposição Grandepequeno (patente na Biblioteca Museu República e Resistência), a “Rota dos aguadeiros” (dias 12 e 19 às 10:00h), desfile de Gaiteiros da Xuventude de Galicia e Casa Pia pelas ruas da Baixa (dia 19 às 17:00h), as actuações dos Mamá Cabra (dia 13, às 16:30h no Jardim da Bedeteca de Lisboa) e dos Carunchos (dia 18, às 20:30h no Centro Galego de Lisboa) e a representação da peça “Os Narigudos” pela companhia Tanxarina (Centro Galego de Lisboa, 18h). Este evento é organizado pela Cátedra de Estudos Galegos da Universidade de Lisboa, Centro de Estudos Galegos da Universidade Nova de Lisboa, Instituto de Estudos de Literatura Tradicional e Dirección Xeral de Creación e Difusión Cultural da Consellaría de Cultura e Deporte da Xunta de Galicia.

Posta Restante de Chuchurumel
“Posta Restante” é o nome do novo álbum de Chuchurumel, que está agora a ser lançado. A propósito deste lançamento, a banda vai fazer várias apresentações nas lojas da FNAC durante o mês de Maio: na de Santa Catarina e no GaiaShoping no dia 12; dia 13 na FNAC do NorteShoping; dia 19 em Coimbra; dia 25 no Almada Forum; dia 26 no Chiado e no Colombo e dia 27 na FNAC de Cascais. Estão também agendados concertos para dia 18 de Maio em Guimarães (Pavilhão Multiusos), para 24 de Maio em Lisboa (Teatro da Luz) e para dia 21 de Julho no Porto (Casa da Música).


Gaiteiros na Pena

No próximo dia 6 de Maio vai ter lugar na Pena (Cantanhede) o IV Encontro Regional de Gaiteiros da Pena. A concentração dos gaiteiros está marcada para as 9:00h junto à sede do Centro Cultural Recreativo da Pena, seguida de uma arruada. Está prevista a presença de vários grupos: Os Três de Portugal; (Pena, Cantanhede); Os Três Maduros; (Pena, Cantanhede); Os Jovens Gaiteiros; (Fornos Cantanhede); Os Carriços (Quinta do Valongo, Mealhada); Os Três Patinhos (Travassô, Mealhada); O Gaiteiro de Chelo (Carvalheiras, Mealhada); Popularis (Espairo, Anadia); Os Unidos (Condeixa); O Gaiteiro da Ponte (Ançã, Academia de Música de Ançã), Banda de Gaitas de S. Bernardo (Aveiro); Toni das Gaitas (Porto); Gaiteiros da Ponte Velha; (Santo Tirso) e Os Divertidos (Famalicão). A organização do IV Encontro de Gaiteiros da Pena está a cargo do Centro Cultural Recreativo da Pena e conta com o financiamento da Câmara Municipal de Cantanhede e da Junta de Freguesia de Portunhos.

Dazkarieh em digressão internacional
Os Dazkarieh preparam, neste momento, a digressão internacional do seu mais recente álbum – Incógnita Alquimia -, que vai passar por países como o México, a Alemanha, a Estónia, a Polónia, a Áustria, a República Checa e Cabo Verde; vários outros concertos estão agendados para várias localidades de Portugal continental e insular. Para além desta digressão internacional, o álbum Incógnita Alquimia está já a ser distribuído no Reino Unido – através da EGEA distribution – e na Polónia – através da Opensources – e também nas principais plataformas de downloads como a iTunes, a eMusic e outras – através da distribuidora Orchard. A banda acaba de lançar o seu primeiro videoclip, para o tema “Vitorina”, que foi totalmente produzido pelos seus próprios elementos. Para além de tudo isto, a banda está a preparar um novo tema que vai ser editado na compilação Divergências 2007. Para mais informações sobre a digressão e para visualizar o videoclip do tema “Vitorina”, consultar: www.dazkarieh.com

Danças com história na Quinta da Regaleira
No dia 29 de Abril às 15:30h decorreu, na Quinta da Regaleira (Sintra), uma apresentação de danças palacianas e populares.
Esta apresentação teve início com a mensagem do Arauto, à qual se seguiu o cortejo, tendo tido depois lugar a apresentação de um repertório de danças que viaja no tempo desde o medievo-renascentista ao alvorecer do barroco, danças nalgumas das quais o público foi convidado a participar. O encerramento ficou a cargo de Allemanda.
Este evento foi promovido pela Associação Danças com História como forma de assinalar o Dia Mundial da Dança e teve lugar no Portal dos Guardiães (Quinta da regaleira, Sintra).




Tocar de Ouvido - Encontro de Tocadores

Em Évora, de 28 de Abril a 1 de Maio, realiza-se mais uma edição do Tocar de Ouvido - Encontro de Tocadores. Durante quatro dias decorrem muitas oficinas de aprendizagem de instrumentos de música tradicional, que propiciam a transmissão de conhecimentos dos tocadores mais velhos, para novos músicos: Flauta de tamborileiro, Gaita-de-fole, Concertina, Viola Campaniça, Rabeca, Flauta Travessa - e ainda tertúlias, exposições, feira de instrumentos, filmes, concertos comentados e bailes nocturnos.
Um evento a não perder, para quem quer conhecer de perto os tocadores e as suas músicas e aprender mais com eles. O Tocar de Ouvido é organizado pelas associações Pédexumbo, Gaita-de-foles e Dorfeu.

Todas as informações detalhadas sobre inscrição, programa e oficinas »

http://www.gaitadefoles.pt/tocardeouvido/2007/
Sons e Ruralidades
De 28 de Abril a 1 de Maio, realiza-se o Festival Sons e Ruralidades. Mais um ano levar-se-à a cabo a produção do Festival Sons e Ruralidades, um encontro multicultural realizado numa região onde sobrevivem práticas rurais de Portugal e onde as tradições e as artes rurais ainda permanecem bem vivas no quotidiano de quem lá vive e no imaginário de quem a visita. Este ano, durante cinco dias, serão realizadas actividades para todos os gostos, desde palestras e debates, oficinas de dança, musica e artes rurais, jogos tradicionais, concertos, teatro, animação e exposições, complementando-se estas actividades com uma feira e exibição de artesãos e associações. Mais informações »


Gaitas no Kilombo

"Gaitas em Festa" é o nome da festa de convívio que vai ter lugar no Espaço Kilombo, em Benfica, no dia 21 deste mês. O objectivo desta festa é juntar os gaiteiros da área metropolitana de Lisboa, possibilitando assim o convívio e a troca de experiências. De manhã, às 11:00h, vai ter lugar uma oficina de afinação de conjunto, seguida do almoço de convívio que está marcado para as 13:00h. Prevêm-se actuações de Bardoada (Pinhal Novo), Casa Pia de Lisboa, Gil Teatro (Alcochete), Associação Gaita-de-Foles e Xuventude de Galiza. A partir das 21:00h, vão ter lugar as actuações dos Trabucos, Anaquiños da Terra, Roncos do Diabo e Gaiteiros de Lisboa. A organização desta festa está a cargo da Associação Juvenil Trupe Boomerang, devendo as reservas ser feitas através do nº 963527196 ou através do mail [email protected] (Informações relativas às inscrições) Almoço: 12 euros; almoço e bilhete para a noite: 16 euros; a partir das 15h: 7 euros. Para o almoço, existem três pratos à escolha: bacalhau com natas (peixe), lombo de porco recheado com castanhas e ameixas (carne), cachupa (vegetariano). O prato escolhido deverá ser indicado aquando do acto de inscrição.

Anthony Seeger em Lisboa

O Instituto de Etnomusicologia (Univ. Nova de Lisboa) organiza na quinta-feira, 19 de Abril, o colóquio "Etnomusicologia e Indústria Musical - De Erich von Hornbostel e Alan Lomax, ao GlobalSound da Smithsonian Institution e YouTube", com a presença de Anthony Seeger (Universidade da Califórnia, Los Angeles, EUA). Muito embora muitos etnomusicólogos considerem seu trabalho exterior à indústria musical, as gravações etnográficas que eles produzem são moldadas pelos ditames da tecnologia e do mercado da mesma maneira que a música popular. A conferência investiga os aspectos legais, tecnológicos e de mercado que moldaram as gravações etnográficas dos anos 1900 -1960; especialmente aquelas de Alan Lomax e como as gravações continuam a ser moldadas hoje na internet. Universidade Nova de Lisboa - Faculdade de Ciências Sociais e Humanas
Quinta Feira, 19 de Abril - 18 Horas, Auditório 2 - Piso 3 (Avenida de Berna).


Strella do Dia em digressão

Os Stella do Dia são um grupo que, desde cerca de 2000, se dedica à recriação histórica, sobretudo da época medieval, através da música e da dança recolhidas do espólio encontrado em documentos como “As Cantigas de Santa Maria”, o “Llibre Vermell de Montserrat” e a compilação “Carmina Burana”. A partir deste espólio rico e variado, a música e as danças que chegam ao público são filtrados através das diferentes experiências musicais dos cinco membros do grupo, resultando tanto em música de carácter mais calmo intimista em algumas delas, assim como em música mais agitada e contagiante noutras. Os Strella do Dia são: Alexandre Gabriel (tarota, gralha, percussões, harpa, crótalos), Daniel Morgado (timbalão, darabuka, bendir), Gonçalo do Carmo (gaita-de-foles, flautas, gralha, chalumeau, alúde árabe, baglama, crótalos), João Neves (djembe, darabuka, tbal, cowbell, crótalos) e Ricardo Vieira (gaita-de-foles, flautas, crótalos). As próximas actuações vão então ser na Ceia Medieval (19 de Maio, 20:00h, Tomar), no Dia Internacional dos Museus (20 de Maio, 18:00h, Oeiras), na Feira Medieval de Viseu (17 de Junho, 18:00h, Viseu), nas Jornadas Medievais (21 de Julho, 21:00h, Sesimbra), na Viagem Medieval (todos os dias entre os dias 3 e 12 de Agosto – inclusivé -, 17:00h, Santa Maria da Feira) e na Convenção Nacional da Ordem Rosa Cruz (9 de Setembro, 18:00h, Lisboa). Para mais informações sobre os Strella do Dia, consultar: www.strelladodia.com

Gefac - 40 anos
Em Coimbra decorrem as XII Jornadas de Cultura Popular, que incluem um fórum intitulado “A Música Tradicional Portuguesa – Velhos Trilhos, Novos Rumos”, que teve lugar nos dias 13 e 14 deste mês. As XII Jornadas de Cultura Popular estão a ser organizadas pelo Grupo de Etnografia e Folclore da Academia de Coimbra no âmbito das comemorações do seu 40º aniversário. Neste fórum foram abordados temas relacionados com o papel social desempenhado pela música popular de raiz tradicional, a existência de uma identidade nacional baseada nesta expressão musical, a importância desta no ensino básico e o seu potencial (re-)criativo. Para além deste fórum, outra proposta são os vários espectáculos propostos no âmbito destas jornadas: os Gaiteiros de Lisboa – que actuaram no passado dia 13 de Abril -, “A Água Dorme de Noite” (dia 21 de Abril), projecção da curta-metragem “Amanhã” e espectáculo “Torna-Viagem” de Zeca Medeiros com Mariana Abrunheiro (24 de Abril), “Comédia do Verdadeiro Santo António que Livrou o Seu Pai da Morte em Lisboa” (2 de Maio), Diabo a Sete (4 de Maio), Quarto Minguante (11 de Maio), Segue-me à Capela (18 de Maio) e João Paulo Esteves da Silva e Quiné (28 de Maio).

8º Aniversário da Associação Gaita-de-Foles:
Homenagem a Joaquim Roque

No próximo dia 24 de Março a Associação Gaita-de-Foles comemora o seu oitavo aniversário.
Esta data serve não só de motivo para juntar sócios, amigos e muitos músicos, numa grande festa de convívio, mas também para prestar homenagem a um dos mais emblemáticos gaiteiros portugueses, que curiosamente, também celebra o seu aniversário nesse mesmo dia: o gaiteiro Joaquim Roque, de Torres Vedras.
Esta festa verá também uma breve apresentação da banda Cornes, o novo projecto musical dos alunos da Escola de Gaitas da Associação. Esta banda encontra-se neste momento em formação e aproveita esta ocasião para mostrar um pouco do trabalho que tem vindo a desenvolver. Esta celebração tem início com um almoço de convívio que está marcado para as 13:00h no Ateneu Comercial de Lisboa, onde a festa continua também pela tarde e noite dentro, com os músicos e instrumentos que se quiserem juntar à festa.
Para mais informações e inscrições, contactar, até dia 22 à tarde: 962915892 (Inês Gonçalves) / [email protected]
Ateneu Comercial de Lisboa, Rua das Portas de Santo Antão, nº 110, Lisboa - rua do Coliseu dos Recreios, perto da Avenida da Liberdade e do Rossio. Transportes públicos: Metro – estação de Metro do Rossio (linha verde) ou dos Restauradores (linha azul). Estacionamento: parque de estacionamento da Praça dos Restauradores (perto do Hard Rock Café).

Máscaras invernais na FCSH
No dia 20 de Março vai decorrer um colóquio intitulado “Rituais de Inverno com Máscara” na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.
Trata-se de várias palestras relativas ao trabalho de campo feito por várias pessoas centradas na temática das Festas do Ciclo de Outono-Inverno, no complexo dos mascarados de Trás-os-Montes e que acabam por ser contribuições para o catálogo relacionado com a exposição patente do Museu Abade de Baçal, desde Dezembro de 2006. Estas pessoas foram orientadas por Benjamim Enes Pereira, a quem se pretende prestar homenagem através deste colóquio, devido ao seu trabalho sobre o complexo das máscaras portuguesas e em prol do desenvolvimento dos estudos etnográficos portugueses. O colóquio vai ter lugar no Auditório 1 da Torre B da FCSH (Av. de Berna, Lisboa) entre as 9:30h e as 17:00h.


Oficina de Percussão no MMP
A Associação Gaita-de-foles, em colaboração com o Museu da Música Portuguesa, organiza no fim-de-semana de 30 de Março e 1 de Abril uma
oficina de iniciação à percussão para gaita-de-fole. A oficina destina-se a transmitir alguns conhecimentos iniciais de percussão (caixa e bombo), para acompanhar repertório de gaita-de-fole: técnicas de execução, noções básicas, algum repertório e exemplos práticos, sendo acessível a quem não tenha quaisquer conhecimentos prévios. No início da oficina os formandos recebem um par de baquetas e um "drumpad" para praticar (incluído no valor da inscrição) e serão disponibilizados instrumentos no espaço da oficina. O número de vagas é limitado e valor é de 35 euros (30 euros para sócios) para as duas sessões diárias, das 15h00 às 18h00. Data limite para inscrição: 28 de Março. Esta oficina conta com o apoio do Tocándar - grupo de percussão e Museu da Música Portuguesa. Inscrições e informações em
[email protected] / 931196995. O Museu da Música Portuguesa - Casa Verdades de Faria está situado na Av. de Sabóia, nº 1146 Monte Estoril.

Banda Larga em Itália
Os portugueses Banda Larga vão participar no Festival Canti di Passione, em Salento (Itália) entre os dias 25 de Março e 1 de Abril.
Os Banda Larga são um grupo – Celso Bento, César Prata e Julieta Silva – ao qual se vai juntar a actriz Dulce Silva para entoar martírios, encomendações das almas, xácaras e alvíssaras.
O festival Canti di Passione tem como tema as tradições ligadas à Quaresma, pelo que neste haverá lugar não só para concertos – com a participação de outras bandas espanholas, gregas e italianas - como também para palestras e projecção de filmes.


Tierras De L'Rei
É já entre os dias 30 de Março e 2 de Abril que a Associação para o Estudo e a Protecção do Gado Asinino (AEPGA) vai organizar a IV Edição do passeio “Por Tierras de I Rei”, que levará os seus participantes a conhecer os montes e vales transmontanos.
O passeio tem início em Campo de Víboras e vai passar por várias aldeias dos Concelhos de Vimioso, Miranda do Douro e Mogadouro.
No dia 31, o passeio vai contar com a presença dos Roncos do Diabo, que vão acompanhar a caminhada entre Campo de Víboras e Vale de Algoso. De Vale de Algoso seguem para Atenor, onde vão continuar a animação pela noite dentro.

Mandrágora em digressão

Os Mandrágora continuam a divulgar o seu trabalho em Portugal e no estrangeiro. O próximo concerto tem lugar no Cinema Passos Manuel (Porto) no próximo dia 15 às 22:00h, juntamente com os Mu, seguindo-se a este vários concertos, em Aveiro, no dia 31 deste mês (Parque de Exposições, 15:30h), em Salamanca, no dia 13 de Maio (20:00h), em Barcelos, no dia 18 de Maio (Sub Escuta, 20:00h), no Porto, dia 6 de Junho (Festival Granitos Folk, 20:00h) e nos Açores, dia 24 de Agosto (Maré de Agosto, 22:00h).
Os Mandrágora receberam o Prémio Carlos Paredes em 2006. São eles: Ricardo Lopes (percussões e flautas), Filipa Santos (flautas, saxofone e gaita-de-foles), Pedro Viana (guitarra clássica), Sérgio Calisto (violoncelo, morharpa e bouzouki) e João Serrador (baixo eléctrico).

Comvinha Tradicional no Porto
É já no próximo dia 24 de Março, às 22:00h que os Comvinha Tradicional actuam no Porto. Este concerto integra-se num ciclo que dá destaque à musica folk e de fusão e que vai ter lugar no Teatro da Vilarinha entre os dias 22, 23 e 24 deste mês. Como se pode adivinhar, o espectáculo de Comvinha Tradicional centra-se precisamente na música tradicional, segundo os mesmos, “de interpretação urbana, íntima, cúmplice de recolhas, de aprendizagens e das experiências dos seus músicos, resultando numa sonoridade muito distante do mainstream na área "folk”. Os Comvinha Tradicional são: Alfredo Teixeira (violino), Blandino Soares (voz, viola e bandolim), Bruno Cardoso (percussões e voz), Fernando Fernades (concertina, bandolim e viola braguesa), Miguel Oliveira (flautas e gaita-de-foles), Sara Luz (voz), Sérgio Curado (percussões) e Rui Reis (baixo acústico).

Monte Lunai "assaltam" as FNAC
É já nos próximos dias 18 e 24 de Março que os Monte Lunai fazem mais duas apresentações nas lojas da FNAC de Almada e Cascais, respectivamente, decorrendo ambas às 17:00h (entrada livre). Depois do sucesso que caracterizou a sua apresentação na loja do Chiado, os Monte Lunai sugerem mais duas actuações em que privilegiam o contacto com o público, propondo não só música, mas também danças tradicionais europeias, contado para tal com a ajuda de Mercedes Prieto. Os Monte Lunai são: Miguel Barriga (flautas, gaita-de-foles, clarinete popular, didgeridoo), Denys Stetsenko (violino), Jorge Anacleto (guitarra), João Madeira (contrabaixo), Tiago Oliveira (percussões) e Mercedes Prieto (professora de danças tradicionais europeias).

Fest-i-ball = "Onde há festa, há baile"
Durante os dias 17, 18, 19 de Março, decorre a 3ª edição do Fes –i- balll no Teatro Ibérico (Xabregas, Lisboa)
É esta a fórmula para mais uma edição de uma festa que junta muita música, workshops de dança, workshops de música, exposições e outras actividades. No dia 16, será Fado Baldio a abrir a festa – projecto que junta música e humor -, Omiri – projecto a solo de Vasco Ribeiro Casais (Dazkarieh) - e Dancing Strings – quarteto que junta Denys Stetsenko (Monte Lunai), Hugo Fernandes, Luís Peixoto (Dazkarieh, Quadrilha) e Baltazar Molina (Dazkarieh). Já no dia 17, é a vez das Hijas del Flamenco, dos portugueses Beltane e do Duo Bert & Harald (EmBRUN), que fecham o Fest –i- ball no dia 18 com mais uma actuação à tarde. Para participar neste festival, os bilhetes podem ser adquiridos na bilheteira no Teatro Ibérico.
A entrada para os três dias tem um custo de 25€. Quanto aos bilhetes diários, o preço varia entre os 10€ e os 15€.


O Rabel na Cantábria

A Universidade Nova de Lisboa promove no dia 22 de Fevereiro, quinta-feira, mais um colóquio de Etnomusicologia (Música, Sociedade e Cultura).
A dissertação estará a cargo de Susana Moreno (Univ. de Valladolid, Espanha), com o tema "Controversias en torno a la práctica musical del rabel en Cantabria", sobre a prática do Rabel (um cordofone tricórdio, tocado com arco) na Cantábria (norte de Espanha).
O colóquio terá início às 18.00H, na Torre A, 4º andar, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas - Universidade Nova de Lisboa, Av. Berna, 26 C.

Chuchurumel: Posta Restante

Os Chuchurumel lançam no final de Março de 2007 o seu segundo disco, "Posta Restante". Cada um dos 13 temas será endereçado a alguém, como se de uma carta se tratasse (daí o nome do disco). São cartas musicais dirigidas a pessoas que têm marcado a carreira do grupo: desde informantes anónimos até Giacometti ou Lopes-Graça. O disco terá um videoclip realizado por Tiago Pereira (vencedor do DocLisboa 2006 com o documentário "11 burros caem no estômago vazio") e será acompanhado por um texto do musicólogo Domingos Morais. Mais informações em www.chuchurumel.com
Vídeoclip dos Chuchurumel: www.youtube.com/watch?v=Jyq4v-gKNjo


Entrudanças 2007: No Entrudo, em Entradas.
Será nos dias 17, 18 e 19 de Fevereiro a próxima edição do Festival Entrudanças. O programa inclui bailes e oficinas diversificadas, mas este ano será dada uma atenção muito especial à (riquíssima) cultura Alentejana: o cante, os bailes, a viola campaniça, o acordeão, a flauta de tamborileiro e os brinquedos tradicionais. Os bailes nocturnos contarão com os Dites34, João Gentil e Luís Formiga, NoMazurkaBand e Uxukalhus. Alargando o trabalho realizado nos anos anteriores com a população infantil e idosos, a PédeXumbo este ano trabalhará de forma mais prolongada com a comunidade local. Um trabalho sobre as formas de cultura tradicional alentejana, numa aldeia criativa dos nossos dias. Em parceria com a Câmara Municipal de Castro Verde e Junta de Freguesia de Entradas. Mais informação »




A outra lista de Schindler

O musicólogo de origem alemã Kurt Schindler empreendeu na década de 30 do século XX uma série de prospecções etnográficas em Espanha e Portugal, que resultaram num espólio fonográfico relativamente pouco conhecido. Numa colecção com um total de 987 fonogramas, 24 foram gravados em Portugal, abrangendo sobretudo a região de Trás-os-Montes, em Bragança e Miranda do Douro. Entre estas gravações encontram-se alguns dos primeiros registos sonoros de canções e de gaitas-de-fole, que ainda hoje podem ser ouvidas, com formas muito semelhantes, 75 anos depois. Hoje, graças à amável colaboração da Fundação Joaquin Diaz, a Associação Gaita-de-foles disponibiliza os fonogramas portugueses na Internet, para todos os interessados... »

Mouros na FCSH

No dia 25 de Janeiro, o Instituto de Etnomusicologia da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (Lisboa) promove o colóquio "A corporização do
“Mouro” - Uma análise etnocoreológica de duas performances de Mourisca em Portugal", pela investigadora Barbara Alge (Univ. de Viena). Barbara Alge é mestre de musicologia pela Universidade de Viena (Áustria) e a sua Tese de Mestrado intitula-se "Continuidade e mudança na tradição dos pauliteiros de Miranda". Actualmente é doutoranda de etnomusicologia na Universidade de Viena e na Universidade Nova de Lisboa. Nos últimos anos tem investigado  várias danças do território português, incluíndo o fenómeno dos Pauliteiros e mais recentemente, as várias manifestações das "danças mouriscas", dentro e fora de Portugal. O colóquio terá lugar na Quinta Feira, 25 de Janeiro, das 18h à 20h, na Torre A - 4º andar Dto, do edifício da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (Av. Berna, 26 C).

Ainda e sempre Lopes-Graça
No âmbito das comemorações do Centenário do Compositor Fernando Lopes-Graça, o Museu da Música Portuguesa, situado em Cascais, realiza no dia
26 de Janeiro, pelas 21h30, um Concerto do Prémio Internacional de Composição Fernando Lopes-Graça, no Auditório dos Maristas (Avenida dos
Maristas, nº175), em Carcavelos. O concerto estará a cargo da Orquestra Metropolitana de Lisboa, dirigida pelo Maestro Cesário Costa. No dia 27 de
Janeiro, pelas 17h00, será a vez do lançamento de um CD duplo, com a totalidade das obras do compositor gravadas para a Sassetti na década de
1970: "Fernando Lopes-Graça, Centenário do Nascimento 1906-2006". Esta cerimónia contará com a presença dos músicos Olga Prats, Vasco
Barbosa, Grazi Barbosa e Celeste Amorim. Museu da Música Portuguesa - Casa Verdades de Faria - Av. de Sabóia, nº 1146 Monte Estoril.


 

 


Início | Gaita-de-fole | Sócios | Actividades | Notícias | Escola de Gaitas |
Comprar | Orquestra de Foles | Documentos | Equipa | English  | Links | Contactos
Powered by RRMerlin

Associação Gaita de Foles - direitos reservados